Gestão

Vai exportar? Aposte na identidade do vinho brasileiro

Há espaço para a comercialização de vinhos produzidos no Brasil pelo mundo, e exportar pode ser o caminho para a ampliação da indústria brasileira. As justificativas para esse possível ganho de mercado vão desde a contínua premiação de espumantes brasileiros em festivais europeus até dados do Ibravin (Instituto Brasileiro do Vinho) que aponta que enquanto consumimos 1,8 litro por habitante, nossos vizinhos uruguaios e argentinos bebem, 20,4 litros e 24 litros per capita, respectivamente.

Enquanto produtores chilenos colocam o mesmo vinho em garrafas com rótulos diferentes para ganhar mercado, mostrar nossa própria identidade é um dos caminhos para aumentar o consumo dos produtos brasileiros. “Acredito que o consumidor de fora não quer mais do mesmo”, explica o diretor comercial da Vinícola Góes, Luciano Lopreto. Devemos lembrar que consumidores no exterior podem ter acesso aos melhores vinhos do mundo e “o fato de ter um vinho diferente, peculiar, chama atenção”. Com essa diretriz, a empresa recentemente investiu em exportações para a Europa.

Para inspirar os empresários, o diretor indica dois caminhos que tem adotado para ganhar o mercado externo: desenvolvimento de produtos inovadores e investir na brasilidade. No primeiro caso, Lopreto conta que a empresa criou um vinho branco a partir de uma uva brasileira combinada geneticamente a partir de duas variedades, uma americana e outra europeia, desenvolvida pela Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária).

Quanto à nossa identidade, segundo o especialista, não precisamos escolher uma variedade brasileira, como fez a Argentina com seu Malbeq, ou o Chile com seu Chardonnay. Devemos, sim, extrair o que há de melhor em cada região para destacar a variedade. Lembre-se que, atualmente, o País tem seis regiões produtoras consideradas principais: Serra Gaúcha, Serra do Sudeste, Campanha, Campos de Cima da Serra, Planalto Catarinense e o Vale de do São Francisco, em Pernambuco.

DE GARÇOM A SOMMELIER (5)